Uma abordagem sobre a exclusão de gênero e digital na América Latina

A versão de “Diálogos para a Transformação Digital. Gaps de gênero e digital” já está disponível no Brecha Zero, blog 5G Americas, voltado para formadores de opinião, jornalistas e analistas do setor. A conversa com Juanita Rodríguez-Kattah aborda uma visão das complexidades enfrentadas pelas mulheres na indústria e as diferentes soluções oferecidas para sua inclusão.

São Paulo, 16 de março de 2022 – A discussão sobre questões de gênero, inclusão e equidade continua ativa na América Latina. As agendas de governos, instituições e empresas mantêm esse tema em seus planos e programas com especial ênfase nas últimas décadas. Esse contexto e a importância de modificá-lo foram discutidos no documento “Diálogos para a Transformação Digital. Gaps de gênero e digital”, publicado pela 5G Americas no Brecha Zero.

O setor de telecomunicações está trabalhando constantemente para reduzir a diferença de gênero. Historicamente era um espaço quase exclusivamente masculino. Esse tipo de mandato social que por muito tempo se refletiu na redução da participação das mulheres nas carreiras de engenharia, tecnologia e telecomunicações começou a rachar”, afirmou José Otero, vice-presidente da 5G Americas para a América Latina e o Caribe.

“Na questão da tecnologia existe uma lacuna cultural que também faz com que as mulheres não se aproximem desse tipo de carreira, que vem tentando dar certo ao longo dos anos. O governo e várias instituições buscam gerar programas de discriminação positiva, para colocar as mulheres de volta ao mesmo nível. É mais uma questão de nivelar o campo de jogo para que depois você possa ir e competir”, explicou Juanita Rodríguez-Kattah, advogada colombiana especialista em transformação digital e segurança cibernética. Atualmente ela também atua como conselheira da Embaixada da Colômbia nos Estados Unidos.

O documento aborda, ainda, a questão de gênero na indústria de tecnologia da informação e comunicação (TIC) e telecomunicações. Perspectivas de gênero no setor de telecomunicações, tecnologia e ambientes digitais também são mencionados sob diferentes pontos de vista.

Para ler a conversa completa de “Diálogos para a Transformação Digital. Gaps de gênero e digital”, baixe o documento aqui

###

Sobre a 5G Americas: A Voz da 5G e LTE para as Américas

A 5G Americas é uma associação setorial dos principais provedores de serviços e fabricantes do setor de telecomunicações. A missão da organização é de apoiar e promover o desenvolvimento total das capacidades da tecnologia sem fio LTE e sua evolução além da 5G, em todo o ecossistema de redes, serviços, aplicativos e dispositivos sem fio nas Américas. A 5G Americas fomenta o desenvolvimento de uma comunidade conectada e sem fio e está liderando o desenvolvimento da 5G para toda a região das Américas. A 5G Americas é sediada em Bellevue, no estado de Washington. Para mais informações, visite o site para o Brasil www.brechazero.com.br. Siga-nos no Twitter: @5GA_Brasil, e acompanhe nosso grupo no Linkedin: 5G Americas – Latin America & Caribbean.

Os Membros do Conselho de Administração da 5G Americas incluem: Airspan Networks Inc., Antel, AT&T, Ciena, Cisco, Crown Castle, Ericsson, Intel, Liberty Latin America, Mavenir, Nokia, Qualcomm Incorporated, Samsung, Shaw Communications Inc., T-Mobile US, Inc., Telefónica, VMware, and WOM.