Plano Conectando pela Voz avança na Argentina

O processo de digitalização de um mercado exige um trabalho constante das autoridades para incluir o maior número possível de pessoas nas tecnologias da informação e comunicação (TIC). Nesse sentido, são essenciais os diferentes planos de inclusão que são realizados nos diferentes países da América Latina e do Caribe.

Nesse sentido, a Argentina implantou durante 2021 o programa Conectando pela Voz (Conectando con Vos), que busca promover o acesso de setores vulneráveis ​​às tecnologias de informação e comunicação. O programa incluiu recentemente a entrega de equipamentos nos municípios de La Matanza e Morón (província de Buenos Aires) e Villaguay (Entre Ríos).

O programa busca promover o acesso a equipamentos que facilitem a inserção, integração e desenvolvimento social por meio do uso das TIC. Seu objetivo é aumentar a participação e integração social dos setores em situação de maior vulnerabilidade social e econômica.

Outro objetivo é fortalecer as atividades laborais, educativas e culturais. Além de facilitar a inclusão da população nas redes e nos espaços de socialização desenvolvidos por meio das novas tecnologias. Almeja-se democratizar o acesso às tecnologias da informação e comunicação.

O programa busca alcançar os beneficiários do Auxílio por Filho Universal e do Auxílio-Gestante, seus filhos e pessoas sob sua guarda. Também aos aposentados, pensionistas ou trabalhadores em situação de dependência que ganham uma remuneração bruta menor ou igual a 2 Salários mínimos vitais e móveis, e que recebem seguro-desemprego e seus filhos, entre outras pessoas.

Esse programa é composto por diferentes etapas, nas quais a ENACOM se encarrega de entregar os dispositivos em conjunto com as jurisdições provinciais e municipais, associações civis, redes comunitárias e outras entidades intermediárias. A princípio, serão entregues 140 mil dispositivos, quantidade que pode ser aumentada em até 35% de acordo com os resultados iniciais.

Em sua aplicação em La Matanza, foram entregues 316 tablets na cidade de Villa Madero, que beneficiam os idosos, permitindo que essa parcela da população tenha acesso online aos procedimentos que devem ser realizados para acessar serviços de aposentadoria e saúde.

Também na província de Buenos Aires, no distrito de Morón, foi assinado um acordo com o município, com a Associação Civil Inventamos o Erramos Galpón Cultural e com o Clube Santa Ángela para a entrega de um total de 263 tablets. Neste caso, os beneficiados foram os moradores que, agora, terão acesso facilitado às TICs.

Por outro lado, em Villaguay, Entre Ríos, foram entregues 153 tablets a jovens da cidade por meio de convênios que incluíam o Clube Atlético Huracán de Entre Ríos, o Clube Social e Esportivo de Saúde Pública e o Clube Parque de Entre Ríos. Os beneficiários foram jovens atletas pertencentes a essas instituições.

Para que essas iniciativas se sustentem ao longo do tempo, é crucial que as autoridades argentinas continuem trabalhando no desenvolvimento dos serviços de banda larga. Particularmente, por meio de serviços móveis como a LTE e a 5G, que permitem levar serviços de dados robustos e de alta velocidade a grande parte da população.

Nesse sentido, tornam-se importantes as políticas que buscam entregar novas porções do espectro radioelétrico às operadoras móveis. Assim como a geração de uma agenda com futuras licitações de espectro que permita às operadoras planejar com eficiência a implantação de suas novas redes.

Como pode ser visto, o programa Conectando pela Voz é fundamental para aumentar a inclusão de setores vulneráveis. No entanto, ele precisa ser alavancado por políticas que busquem aumentar a inserção da banda larga móvel no mercado.