A compilação de diferentes entrevistas que foram publicadas pelo Brecha Zero pode ser lida agora em um único documento que traz a visão dos principais líderes do mercado de telecomunicações da América Latina. As melhores alternativas para a utilização das Tecnologias da Informação e da Comunicação para o desenvolvimento são encontradas nestas páginas.

A América Latina encontra-se em um momento fundamental para aproveitar os benefícios das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC), em particular as associadas com a banda larga móvel. A região está ante a possibilidade de potencializar a economia e melhorar a qualidade de vida de seus habitantes perante uma nova revolução digital. Diferentes vozes explicam esta oportunidade em “Conversas do Brecha Zero”, o estudo publicado pela 5G Americas compila as principais entrevistas do portal da 5G Americas.

“A compilação é uma excelente oportunidade para conhecer sobre as TIC para o Desenvolvimento, segundo a visão de diferentes representantes reguladores, organizações não governamentais especializadas, câmaras de tecnologia e órgãos internacionais com presença na região. Ali estão reunidas as opiniões de especialistas e líderes de opinião sobre a forma com que a tecnologia pode ajudar a melhorar a qualidade de vida dos habitantes”, explicou Jose Otero, Vice-presidente para América Latina e para o Caribe da 5G Americas.

O material traz nomes como Indhira Santos, Economista Sênior do Banco Mundial, Agostinho Linhares, Gerente de Espectro, Órbita e Radiofusão da Anatel do Brasil, Gabriel Contreras, Comissionado Presidente da IFT do México. Assim como a opinião de mais representantes de órgãos internacionais como Mario Castillo, Oficial Sênior de Assuntos Econômicos da Divisão de Assuntos de Gênero da Cepal, Victoria Maskell, Zika UReport Engagemet Contractor da UNICEF LACRO ou Miguel Gallegos, Diretor do Programa de Alfabetização Digital da Red Educativa Mundial.

Também constam no documento representantes de diferentes planos de conectividade nacionais, como Fiorella Haim, Gerente Geral do Plano Ceibal do Uruguai ou Juan Luis Núñez, Gerente Geral da Fundação País Digital, do Chile. E ainda, Rafael “Lito” Ibarra, Secretário da CasaTIC El Salvador, entre as câmaras de tecnologia, ou a de J. Eduardo Rojas, Presidente Executivo da Fundação REDES, da Bolívia.

O relatório “Brecha Cero Conversas”, pode ser baixado aqui.